Guardian

Castellana 77, um edifício sustentável com fachada de vidro Guardian Glass

No coração do centro financeiro de Madrid, no distrito AZCA, ergue-se o edifício Castellana 77, que ao fim de duas décadas sem qualquer uso, deu início uma icónica nova vida graças ao atelier luis vidal +arquitectos. A torre construída em 1977 é hoje um edifício de escritórios com 62 metros de altura, que define o skyline na cidade de um modo muito especial. Com o processo de reabilitação concluído, o edifício é agora líder em termos de eficiência energética e em perfil ambiental, tendo recebido a prestigiada certificação LEED Platinium. Os produtos de alto desempenho da Guardian Glass usados na fachada contribuíram para conquistar a certificação LEED.

A forma inteligente no uso da luz natural e o desejo de criar uma forte identidade que destacasse o edifício, foram os dois pilares do projeto de arquitetura. De acordo com o arquiteto Luis Vidal: “O objetivo foi modernizar o edifício, o que resultou num imóvel simultaneamente flexível e sustentável, criando ao mesmo tempo espaço comercial de qualidade com uma nova imagem incorporada no skyline de Madrid, uma cidade que respeita as suas raízes, mas que olha para o futuro”. 

Isto foi conseguido com um processo de recuperação integral, essencialmente focado na nova fachada do edifício com uma modulação vertical acutilante que utiliza o vidro revestido Guardian SunGuard® SN 70/41, criando uma parede-cortina em vidro de elevada seletividade.

Este sistema de construção moderno e inspirador incorpora também um elemento suplementar que garante proteção solar extra através do uso de palas com um balanço de 60cm para criar sombra (separadas da fachada principal por 15cm de distância para manutenção e limpeza). Estas trabalham em conjunto com o vidro Guardian por forma a melhorar o desempenho global do edifício.

Com uma área total de 21,000m2, o trabalho da arquitetura e da construção incluiu também a reabilitação das instalações do Castellana 77, bem como a transformação dos seus 18 pisos acima do solo (16,261m2 no total), tornando mais flexível a distribuição dos espaços do piso térreo, passando a poder acomodar escritórios ou espaços comerciais. Os quatro pisos originalmente destinados a estacionamento foram também reabilitados, bem como um piso adicional para uso global do edifício. Nos cinco pisos subterrâneos foram assegurados 200 lugares de estacionamento.

Uma fachada viva e eficiente

A construção das fachadas do Castellana 77 aconteceu em duas fases. Primeiro, o desmantelamento da fachada original, que estava completamente desatualizada e bastante desgastada. Depois, a montagem da nova fachada. Isto resultou em diferentes tipologias de fachada de acordo com a área do espaço e a sua orientação: uma fachada de muro-cortina; uma muro-cortina com palas de sombreamento, e uma fachada ventilada.

O muro-cortina tem por base um sistema de perfil de alumínio extrudido e painéis de enchimento de vidro laminado de elevada seletividade e vidro neutro revestido com o SunGuard® SN 70/41 no painel exterior. Esta é uma das opções de vidro revestido da Guardian SunGuard® na gama arquitetónica de alto desempenho. Com 70% de transmissão de luz, esta solução permite uma aparência neutra com o máximo controlo solar. O sistema da fachada assegura a livre ventilação das extremidades do vidro, prevenindo condensações indesejadas.

Sombreamento EFTE para maior eficiência energética

Outro elemento crucial do trabalho arquitetónico na Castellana 77 são as palas de sombreamento EFTE (Etileno Tetra-Fluoro-Etileno), concebidas especiificamente para este projeto, com uma orientação e uma determinada curvatura que lhes permite flutuar ao longo do revestimento do edifício, dando-lhe uma forma única e distintintiva. Independentemente dos objetivos estéticos, a função primordial destas palas de sombreamento é contribuir continuamente para a eficiência energética e sustentabilidade, na forma como protegem a estrutura da exposição solar direta. Este material de vanguarda, EFTE, permite a passagem da luz, mas não o calor, tornando possível uma luz homogénea. Isto permite aos arquitetos a conceção de uma fachada em constante mutação.

Durante o dia, o movimento do sol e a sombra criada (que depende da intensidade da luz) produz efeitos de brilho na fachada. De noite, a sua identidade surge a partir do interior das palas de sombreamento com diferentes configurações luminosas conseguidas através de vários quilómetros de luzes LED instalados no edifício.

No limite, a fachada do Castellana 77, com as unidades de vidro SunGuard® SN 70/41 e as palas de sombreamento EFTE, garante baixas emissões e alta capacidade no controlo solar. Um estudo rigoroso da exposição ao sol e à sombra das fachadas oeste, este e sul em horas críticas de cada dia do ano, permitiu criar um desenho eficiente que favorece poupanças significativas de energia, gerando mais conforto e bem-estar aos ocupantes do edifício.

Sustentabilidade e certificação LEED

Castellana 77 é agora um edifício com um elevado nível de sustentabilidade. Por esta razão, recebeu a certificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design) atribuída pelo US Green Building Council, um grupo de líderes das indústrias de construção que promovem e apadrinham construções ambientalmente sustentáveis.

LEED é uma das mais prestigiadas certificações mundiais, que avalia o comportamento sustentável dos edifícios, procurando promover os que são mais amigos do ambiente assim como edifícios que são confortáveis e viáveis financeiramente. A categoria de certificação do Castellana 77 foi de “Platinium” no sistema Core & Shell.

Esta distinção foi, entre outros, atribuída com base nos seguintes fatores:

  • eficiência energética: a fachada envidraçada e as palas de proteção solar, bem como a gestão de energia e o controlo do desempenho, resultam no máximo conforto térmico e luminoso para os ocupantes do edifício.
  • A luz natural e o acesso às vistas: 95% dos trabalhadores e ocupantes do Castellana 77 recebe luz natural e tem acesso direto ao esquema de vistas ao exterior.
  • A qualidade da ambiente interior: sistema de ar condicionado com 100% de entrada do ar exterior.
  • A sua localização e uma grande variedade de opções de transporte para chegar ao edifício.
  • O uso eficiente da água com recurso a casas de banho eficientes de forma a obter uma redução de 39% no consumo de água, se comparado com outros edifícios similares.
  • As suas práticas sustentáveis: desde a sua reabilitação, o edifício utiliza essencialmente materiais reciclados de origem local certificada.
  • As baixas ou inexistentes emissões: o uso de 100% dos materiais sem qualquer (ou pouca) emissão de compostos orgânicos voláteis.

A Guardian Glass é membro da US Green Building Council.

Perguntas do leitor

Guardian Glass Europe
19, Rue du Puits Romain
L-9070 Bertrange
Luxembourg
+352 28 111 000
info.europe@​guardian.com
www.guardian.com
@guardianglasseu
guardian-glass-europe
Guardian.Industries
GuardianIndustriesTV
guardianglasseurope

Notas para editores

Guardian Glass

A Guardian Glass, uma das mais destacadas unidades de negócio da Guardian Industries, é das maiores fabricantes mundiais de produtos de vidro float (plano), revestido e transformado. Nas 25 fábricas de vidro float que detém em todo o mundo, a Guardian Glass produz vidro de elevado desempenho para utilização em aplicações arquitetónicas exteriores (comerciais e residenciais) e interiores bem como na área dos transportes e em produtos técnicos. O vidro da Guardian está presente em casas, escritórios, automóveis e em algumas das mais emblemáticas referências arquitetónicas mundiais. O Guardian Glass Science & Technology Center trabalha continuamente com o objetivo de criar novos produtos e soluções de vidro com recurso às mais avançadas tecnologias, para ajudar os clientes a See what’s possible® (ver todas as possibilidades). Visite guardianglass.com.

Guardian Industries

A Guardian Industries é uma empresa multinacional sediada em Auburn Hills, Michigan, com unidades de produção na América do Norte e do Sul, Europa, África, Médio Oriente e Ásia. As empresas Guardian empregam cerca de 18.000 pessoas sendo responsáveis pela produção de vidro float de alto desempenho; vidro revestido e transformado para aplicações nas áreas da arquitetura, habitação, interiores, transportes e aplicações de vidro técnico; e componentes de plástico cromado e pintado de elevada qualidade para as indústrias automóvel e de transportes comerciais. A Guardian tem por visão ser o parceiro de eleição para os seus clientes, fornecedores, empregados e comunidades com base na criação de benefícios mútuos. O nosso objetivo primordial tem por base a melhoria da vida das pessoas, fornecendo produtos e serviços que valorizem mais face às restantes alternativas, fazendo-o de forma responsável e com um consumo mínimo de recursos. A Guardian é uma subsidiária inteiramente detida pela Koch Industries, Inc. Visite guardian.com.

luis vidal + arquitectos

luis vidal + architects é um atelier internacional de arquitetura que promove soluções inovadoras de conceção led de primeira qualidade para projetos desafiantes. Arquitetos responsáveis pelo projeto do Terminal 2 do Aeroporto de Heathrow, em Londres, possuem escritórios em Espanha, Reino Unido, Japão, República Dominicana, Estados Unidos e Chile, contando com mais de 150 arquitetos com uma longa e sólida experiência num vasto leque de disciplinas que vão do planeamento, à arquitetura e design industrial.

Fundado em 2004, luis vidal + architects construiu uma carreira profissional consistente expressa em mais de 200 projetos de diferentes escalas. O atelier é reconhecido internacionalmente pela sua experiência nas áreas da aviação e hospitais, tornando-se líder na inovação e disponibilizando um design funcional, responsável e profissional como resposta aos desafios urbanos e sociais da atualidade.

Related images

 

 

Editorial enquiries

Sophie Weckx
Guardian Glass Europe

+352 28 111 210
sweckx@​guardian.com

Siria Nielsen
EMG

+31 164 317 036
snielsen@​emg-marcom.com
@siriajonna

 

 

Share

 

More news from